Iphan reabre Parque Histórico Nacional das Missões (RS) para visitações

 

O Parque Histórico Nacional das Missões, Patrimônio Cultural da Humanidade, está reabrindo suas portas à visitação. A volta do público será gradual e começará a partir desta sexta-feira, dia 04 de setembro. A primeira etapa acontecerá pela abertura do Sítio São Miguel Arcanjo, atendendo aos protocolos sanitários do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, do Município de São Miguel das Missões e às Orientações Gerais elaboradas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

O parque, que inaugurou no país o agrupamento de sítios distintos em um só espaço, está localizado na cidade de São Miguel das Missões e é hoje o maior atrativo da região. Além deste novo modelo de gestão patrimonial, o Parque toma papel de grande indutor do turismo, atraindo público de todo o país interessado nos bens patrimoniais ali abrigados.

Respeitando as regras de distanciamento social e para evitar aglomerações o acesso ao sítio arqueológico será controlado durante este período, permitindo a entrada de no máximo 10 pessoas da mesma unidade familiar por vez, respeitando o distanciamento social de, no mínimo, dois metros. As pessoas que se encaixam nos grupos de risco terão um atendimento diferenciado, com preferência na visitação no começo de cada turno. Também será obrigatório o uso de máscara facial, mesmo durante as fotografias, exceto para crianças menores de dois anos. Até que a situação permita, não será possível a realização de book’s fotográficos ou eventos.

Larissa Peixoto, Presidente do Iphan, reforça que “a abertura do equipamentos, adotados os protocolos recomendados, se faz de grande importância para o turismo da região, especialmente no atual momento. Além de impulsionar a economia e o turismo local, para o Iphan, poder reabrir espaços de cunho histórico e cultural para livre visitação do público se faz essencial para difundir a cultura, um dos princípios do Instituto”.

O agendamento para visitação deve ser feito através da Secretaria de Turismo, Desenvolvimento e Cultura pelos seguintes canais: telefones +55 (55) 3381-1299 / 3381-1294 e e-mail [email protected]

Parque Histórico Nacional das Missões

Importante testemunho da ocupação do território e das relações culturais que se estabeleceram entre os povos nativos foi o local de uma das missões jesuíticas que compreendiam os 30 povos indígenas entre Brasil, Argentina e Paraguai durante a colonização portuguesa e espanhola. Em 1937, o arquiteto Lucio Costa foi enviado ao Rio Grande do Sul para analisar os remanescentes dos Sete Povos das Missões e a visita resultou no tombamento, pelo Iphan, em 1938, dos remanescentes das Missões. Em 1983, o Sítio Histórico de São Miguel foi declarado Patrimônio Mundial Cultural pela Unesco e em 2009 foi criado o Parque Histórico Nacional das Missões, que reúne os sítios arqueológicos de São Miguel Arcanjo, São Lourenço Mártir, São Nicolau e São João Batista.

Serviço

Informações e agendamento:
Secretaria de Turismo, Desenvolvimento e Cultura
(55) 33811294 / 33811299

Horários de visitação:

Segundas-feiras:
Das 14h às 16h45min, permanência até às 18h.
Em feriado, será permitido o acesso pela manhã.

De terça à domingo:

Manhã:
Acesso público das 9h às 10h45min, permanência até às 12h.

Tarde:
Acesso público das 14h às 16h45min, permanência até às 18h.

Temporariamente, não haverá cobrança de ingresso

 

Publicado em 04/09/2020
Por Izabel Cristina Ribas de Freitas

Fonte:Associação dos Municípios das Missões