Equívoco em dados sobre casos reforça pedido por reavaliação de bandeira

Equívoco em dados sobre casos reforça pedido por reavaliação de bandeira

15 de junho de 2020 0 Por admin

A mobilização liderada pelo prefeito Jacques Barbosa desde a noite de sábado, 13, quando foram apresentadas as novas classificações do Distanciamento Controlado pelo Governo do Estado redundou na comprovação de um equívoco referente ao número de internações apontado para a região das Missões.
Nas videoconferências realizadas na manhã e tarde de domingo, 14, esses números foram levantados e apontou-se uma discrepância em relação aos dados informados pelo Governo do Estado para alterar a classificação da região de bandeira laranja para vermelha.
Ainda no domingo, 14, os prefeitos missioneiros decidiram reivindicar uma reavaliação do Estado e até que isso seja feito manter os critérios da bandeira laranja.
Na manhã desta segunda, 15, uma videoconferência foi realizada com a secretária estadual de Saúde, Arita Bergmann. Além de Jacques, participaram da reunião o secretário municipal de Saúde, Luís Carlos Cavalheiro; o deputado estadual Eduardo Loureiro; presidente da Associação dos Municípios das Missões (AMM), Mico Gonzatto e os prefeitos de São Luiz Gonzaga, Sidney Brondani e de São Borja, Eduardo Bonotto.
Na reunião com a secretária Arita e membros da equipe técnica do Estado, ficou comprovado o equívoco que alterou a classificação regional. Na semana encerrada dia 6 de junho, foram confirmados quatro casos positivos de Covid-19. Entretanto, outros cinco casos do mesmo período foram colocados na planilha da semana seguinte, quando a região deveria computar apenas dez casos. Ou seja, em vez de passar de quatro para nove casos na semana encerrada no dia 6 de junho, o Estado computou a passagem de quatro para 15 casos na semana de 6 a 13 de junho, quando seria dez, e isso fez com que a velocidade de propagação do vírus tivesse um aumento de 275%.
“Esse índice equivocado colocaria a região na bandeira preta. Porém, como o número de leitos clínicos e de UTI colocados à disposição e os índices de internação baixos, a região ficaria na bandeira vermelha”, avalia o prefeito Jacques.
VIDEOCONFERÊNCIA COM O GOVERNADOR
Diante da confirmação do equívoco, ficou decidido que, por articulação do deputado estadual Eduardo Loureiro, será realizada ainda nesta segunda-feira, 15, ainda sem horário definido, uma videoconferência com o governador Eduardo Leite, quando as lideranças das Missões buscarão a reversão do quadro e a volta para a bandeira laranja.
Participarão da reunião virtual com o governador, o prefeito Jacques Barbosa; deputado estadual Eduardo Loureiro; presidente da AMM, Mico Gonzatto e os prefeitos Sidney Brondani, de São Luiz Gonzaga, e Eduardo Bonotto, de São Borja.
“Com a confirmação do equívoco na contagem dos casos entre as semanas, esperando a sensibilidade do governador em reconhecer que a nossa região não poderia ter regredido em sua posição e confirme a permanência na bandeira laranja”, frisa o prefeito Jacques Barbosa.

Texto: Hogue Dorneles
Fotos: Fernando Gomes

Fonte: Prefeitura Municipal de Santo Ângelo