Programa de Sementes Forrageiras 2020 é lançado com recursos ampliados

Programa de Sementes Forrageiras 2020 é lançado com recursos ampliados

19 de março de 2020 0 Por admin

Com o objetivo de fomentar a aquisição de sementes forrageiras a serem utilizadas na formação de pastagens de inverno e verão para alimentação dos rebanhos, o governo do Estado lançou, nesta quarta-feira (18/3), o Programa de Sementes Forrageiras 2020. O ato simbólico ocorreu no gabinete do governador Eduardo Leite.

“Fizemos um esforço enorme para ampliar os recursos do programa, beneficiar um número maior de agricultores familiares e reduzir os impactos negativos da seca. Com recursos da bancada federal e mais aporte do Estado, vamos duplicar o valor investido, alcançando R$ 6,6 milhões”, ressaltou o governador.

Somados o período regular de inscrição e o de reabertura dos pedidos por conta da estiagem, a Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) recebeu ofício de 126 entidades interessadas, com um total de 15.981 agricultores em mais de cem municípios. Com isso, serão quase 4 mil beneficiados a mais do que na edição passado do programa.

O total de recursos executados no ano passado no programa foi de R$ 3 milhões. Para 2020, estão previstos R$ 6,6 milhões – dos quais cerca de R$ 2 milhões foram disponibilizados pela bancada federal. Além disso, atendendo a uma demanda apresentada pelas federações, o limite por agricultor foi ampliado de R$ 300 para R$ 450. O valor teto por entidade (sindicato, associação ou cooperativa) passou de R$ 100 mil para 143,5 mil.

“Teremos não só um número maior de produtores beneficiados como um limite maior de investimento para cada um. Com isso, acreditamos que o pequeno agricultor, aquele que foi mais prejudicado pela seca, principalmente na produção de leite, poderá ter incentivos para se reerguer”, pontuou o secretário da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Covatti Filho, na presença de líderes de federações e representações do agronegócio.

Os recursos são operacionalizados por meio de financiamento subsidiado conforme regras do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento dos Pequenos Produtores Rurais (Feaper).

Importância das forrageiras

Em especial em 2020, devido aos impactos ocasionados pela estiagem, o Programa de Sementes Forrageiras tem uma função ainda mais importante. O cultivo de forrageiras no cedo possibilita que se tenha, de forma antecipada, as pastagens de inverno, reduzindo a escassez de alimento no vazio forrageiro de outono e proporcionando um bom estabelecimento da cultura, o que é fundamental para a produção de forragem no período de outono/inverno/primavera.

O aumento da área cultivada com pastagens nesse período é fundamental para a recuperação e estabilidade na produção leiteira. O incremento no volume de forragem busca também compensar parte do estoque de alimento de reserva que foi consumido em decorrência da estiagem, evitando assim perdas ainda maiores na produção.

Texto: Vanessa Kannenberg
Edição: Vitor Necchi/Secom

Fonte: Portal do Estado do Rio Grande do Sul