Rio Grande do Sul é o Estado com mais escolas e instituições inscritas na 9ª edição do Prêmio Nacional de Educação Fiscal

Rio Grande do Sul é o Estado com mais escolas e instituições inscritas na 9ª edição do Prêmio Nacional de Educação Fiscal

25 de agosto de 2020 0 Por admin

A nona edição do Prêmio Nacional de Educação Fiscal, cujas inscrições se encerraram no dia 15 de agosto, contará com grande participação de representantes do Rio Grande do Sul. O Estado registrou o maior número de inscritos em duas das quatro categorias do prêmio: Escolas e Instituições.

O resultado é reflexo, entre outros fatores, do amplo trabalho realizado pela Receita Estadual, sob coordenação da Divisão de Relacionamento com Cidadãos e Municípios, e pelo Grupo Estadual de Educação Fiscal, no sentido de promover a educação e a cidadania fiscal.

Na categoria Escolas, o RS registra 48% das inscrições de todo o país, com 59 das 122 escolas inscritas. Entre as Instituições, 28 dos 80 participantes são gaúchos, ou seja, 35% do total. Além disso, o Estado conta com uma entre 19 inscrições da categoria Imprensa. Na área de Tecnologia, o RS não terá representante entre os nove candidatos ao prêmio.

Outro fator determinante para o sucesso da iniciativa é o grande engajamento dos servidores municipais, educadores e fazendários nas diversas ações realizadas no âmbito do Programa de Educação Fiscal e do Programa de Integração Tributária, que impacta os repasses de recursos aos municípios e prevê ações de educação fiscal para obtenção da pontuação máxima.

A adesão às atividades remotas durante a pandemia, por exemplo, tem sido muito positiva, com participação de 2.288 servidores municipais. O Seminário Virtual de Educação Fiscal lidera a lista, com 1.024 servidores de 228 municípios. A Atividade de Sensibilização de Educação Fiscal contabilizou 904 participantes de 145 cidades. E o Concurso Professores Pensam a Transversalidade na Educação Fiscal apurou 361 inscrições de 134 municípios gaúchos.

Texto: Ascom Sefaz/Receita Estadual
Edição: Secom

Fonte: Portal do Estado do Rio Grande do Sul